Dicas de Persuasão ao Falar em Público

Olá pessoal!

Passando hoje para compartilhar com vocês algumas dicas de persuasão no momento de falar em público. Mas, antes gostaria de passar a definição desta palavra: “Persuasão: É o emprego de argumentos, legítimos ou não, com o propósito de conseguir que outras pessoas adotem certas linhas de conduta, teorias e crenças”

O artigo é de autoria da Cygnus Cosméticos e passa informações interessantes para esta prática.

Ver a seguir a publicação em sua íntegra. Boa leitura e dicas!

(Imagem de Viverdeblog.com)

Quando se vai participar de uma reunião ou palestra é importante ter persuasão para convencer a todos a respeito do que você está falando. Para um distribuidor de cosméticos, entender a arte da persuasão pode ser um talento precioso.

Se você precisa fazer uma apresentação de vendas para um cliente, uma reunião com funcionários, vai participar de uma conferência, conquistar o público trará muitos benefícios. Pensando nisso, preparamos algumas dicas especiais para que você consiga passar mais realidade ao falar para um grupo de pessoas ou uma multidão delas. Confira e coloque-as em prática:

Demonstre Confiança

Demonstrar confiança é o primeiro passo para conseguir convencer alguém a respeito do que você está falando. Se um palestrante, por exemplo, se mostra inseguro ao falar de determinado assunto, dificilmente alguém irá acreditar nele. É aquela velha história que diz: Se nem eu mesmo acreditar em mim, quem vai acreditar?

Se você vai participar de um evento para apresentar os produtos cosméticos que vende, por exemplo, é preciso que você esteja muito bem informado sobre eles e, o mais importante, acredite no que vai dizer. Falar com firmeza e certeza é primordial.

Apresente-se

Em grande parte dos casos, as pessoas que irão ouvir o que você tem a dizer não te conhecem. Por isso é importante se apresentar para que elas se interessem pelo que você tem a dizer. A forma como você se apresenta faz com que os seus interlocutores se interessem ou não pelo assunto que irá tratar.

Resuma em uma ou duas frases quem você é e o motivo de estar lá. Formule essas frases de uma forma que instigue a curiosidade das pessoas que estão presentes. Como um bom vendedor você deve ser capaz de vender o seu peixe.

Faça Contato Com os Olhos

O contato com os olhos parece um mero detalhe, mas a verdade é que ele faz toda a diferença. As pessoas que olham nos olhos são vistas como merecedoras de confiança. Quem está mentindo, por exemplo, dificilmente consegue olhar no olho do outro enquanto fala.

Claro que, ao falar para um número maior de pessoas, você não conseguirá olhar nos olhos de todos ao mesmo tempo. Mas procure olhar nos olhos daqueles que estiverem posicionados mais a frente. É como se você escolhesse alguns olharem para representar todas as pessoas da plateia.

Dê Respostas Para as Dúvidas das Pessoas

É muito importante dar espaço para que as pessoas que estão te ouvindo façam perguntas a respeito do tema que você está falando. Essa situação é capaz de deixar as pessoas tensas, porém, como você se preparou muito bem não há o que temer.

Ao se mostrar pronto para responder as perguntas das pessoas, você demonstra que realmente tem segurança e confia naquilo. Faça o possível para conseguir responder todas as perguntas, entretanto, caso não tenha certeza sobre algo, diga que vai procurar saber e peça o e-mail da pessoa para enviar a ela a resposta. Não precisamos nem dizer que você deverá realmente cumprir com o combinado, certo?

Tenha Paixão Pelo Tema

Nunca se arrisque de falar em público sobre um tema com o qual você não tem nenhuma afinidade. O resultado poderá ser desastroso. É importante que você tenha paixão pelo que está falando.

No caso dos vendedores, quando você for falar para várias pessoas sobre o seu trabalho, mostre a elas o motivo que fez você optar por esse segmento. Elas irão perceber a paixão em suas palavras. Tudo isso ajuda na arte do convencimento e persuasão, pois passa mais confiança.

Fale Como Se Fosse Uma Conversa e Não Um Discurso

É bem comum que a maioria das pessoas associe a palavra discurso a algo chato e monótono. Claro que você não quer que pensem isso da sua fala, por isso, fale de forma natural, como faz em uma conversa mesmo, sempre dando espaço para perguntas e comentários.

Quando você assume essa postura mais acessível a palestra se torna algo dinâmico e prende muito mais a atenção das pessoas. Dificilmente alguém irá parar de prestar atenção para mexer no celular ou conversar com quem está do lado.

Crie Uma Relação Com o Público

Mostre para as pessoas que você tem muito em comum com elas. Criar uma relação com o público é um grande passo para persuadi-lo. Afinal, as pessoas confiam mais naquelas com as quais elas se identificam.

Compartilhe Experiências Pessoais

Ainda em relação com o tópico anterior, compartilhe experiências pessoais para mostrar que você passou a passa por situações semelhantes a eles. Conte acontecimentos relacionados ao início da sua carreira como vendedor, casos engraçados são ótimos porque também ajudam a quebrar o gelo.

Faça uma Recapitulação no Final

A fim de fixar tudo o que você disse, recapitule no final, de forma resumida, tudo o que foi dito. Incentive as pessoas a te ajudarem nesse momento, citando o que elas lembrarem. Isso irá ajudar as pessoas a se lembrarem de tudo o que você disse e irá te ajudar também a ver se esqueceu de algum tópico importante. Quanto mais o público participar, mais você terá a certeza de que elas realmente absorveram tudo o que foi dito.

Prepare-se

Nossa última dica é para que você nunca vá falar a respeito de algo para um grupo de pessoas sem  antes se preparar. Mesmo que você vá falar sobre o seu trabalho, que é algo com o qual você está mais do que familiarizado, é importante que você se prepare previamente.

Anote os tópicos que pretende falar e a ordem deles. Você não precisa escrever tudo o que vai falar, senão parecerá que está discursando. Nossa dica é que você anote em forma de tópicos. Cada assunto pode ser resumido em uma frase, apenas para servir como um lembrete.

Uma ferramenta interessante para usar como apoio em palestras são as Apresentações Profissionais, previamente preparadas para se encaixar perfeitamente com seu estilo, o que vai dizer durante a palestra. suas argumentações, sua interações com o público, com tudo isso devendo ser planejado e ensaiado com antecedência.


São dicas simples, mas importantes para que, no momento de se apresentar, esteja em sintonia ideal com o público, levando ao sucesso do evento e atingindo os objetivos desejados.


A R2 Creative deseja ótimos eventos a todos!


Acesse nossa área de PORTFÓLIO  e aprecie amostras de nossos trabalhos anteriores.

Peça um orçamento sem compromissos através  da página CONTATO!

 Belas criações  de apresentações para todos e muito sucesso em suas divulgações!


Banner emails retorno4


 

Anúncios

25 frases sobre publicidade que podem te motivar

Olá pessoal!

Passando hoje para compartilhar com vocês parte de uma publicação da Rock Content sobre a publicidade.

A publicidade ao longo dos séculos foi uma ferramenta excepcional na aproximação de pessoas quando o interesse em atrair a atenção para projetos, negócios, produtos, serviços, atividade, etc., eram necessários para a atração do sucesso.

Como a publicidade tem tudo a ver com o resultado das atividades da R2 Creative, resolvemos compartilhar com nossos seguidores, apoiadores, colaboradores e todos que se interessam por esta área apaixonante, numa forma de transmitir conceitos e ideias de pessoas sobre ela. Vejam a seguir a publicação com frases inspiradoras para todos vocês:

banner outdoor_site

O que falar sobre o setor que movimentou R$ 129,9 bilhões no mercado brasileiro em 2016, de acordo com levantamento da Kantar IBOPE Média (http://economia.ig.com.br/2017-02-15/balando-da-publicidade.html)? Sim, mesmo com a desaceleração econômica, as empresas continuam investindo na publicidade.

Boa parte desse montante se deve a publicidade da internet: R$ 5,7 bilhões. Mas a televisão continua sendo o maior meio de investimento no setor, arrecadando quase metade desse número (R$ 71,6 bilhões).

O que é publicidade?

A publicidade, basicamente, utiliza a criatividade com técnicas de comunicação e promoção para divulgar produtos, serviços ou marcas, tendo como foco um determinado grupo de pessoas, chamado de público-alvo. Aposto que você se lembra de alguma propaganda famosa, que foi tão bem pensada,
que ficou na sua memória.

E, em dado momento, foi lembrada — ou seja, o objetivo da publicidade foi alcançado: fazer você, consumidor, realizar uma compra com a empresa contratante dos serviços publicitários.

Geralmente, o profissional gabaritado para esse trabalho é o publicitário. Ele é responsável por atender, planejar e desenvolver campanhas para as empresas em diversas mídias, como jornal, televisão e internet. Aliás, é o publicitário que normalmente fica incumbido de analisar os melhores meios de comunicação para divulgação de cada cliente.

A publicidade não é importante apenas para empresas — que, claro, dependem dela para maximizar as vendas de seus negócios. Ela é mais do que isso: tem um papel determinante na sociedade. Isso porque ela tem uma forte influência no poder de compra do consumidor, no pensamento e na vida das pessoas.

Ela já está tão enraizada no nosso cotidiano que, muitas vezes, não percebemos ou não sabemos diferenciar o que é uma ação promocional ou não. Enfim, com tanta competitividade no mercado atual, com certeza a publicidade é uma das maneiras mais eficientes de conseguir alcançar o êxito no mundo dos negócios. Vejam a seguir algumas frases inspiradoras sobre o assunto:

“Muitas coisas pequenas foram transformadas em grandes pelo tipo certo de publicidade.”— Marl Twain

“A publicidade é uma das formas mais interessantes e difíceis da literatura moderna.” — Aldous Huxley

“A €filosofia por trás de muita propaganda é baseada na velha observação de que todo homem é, na realidade, 2 homens: o homem que ele é e o homem que ele quer ser.” — William Feather

“Se eu tivesse um único dólar, investiria em propaganda.” — Henry Ford

“A publicidade é a vida do negócio.” — Calvin Coolidge

“A procura maciça foi criada quase totalmente pelo desenvolvimento da publicidade.”— Calvin Coolidge

“Uma grande campanha publicitária fará um mau produto fracassar mais rapidamente. Ela vai conseguir que mais pessoas saibam o quanto ele é ruim.” — William Bernbach

“A boa publicidade aumenta vendas. A grande publicidade constrói fábricas.” — Bill Bernbach

“Talvez não seja felicidade, seja apenas publicidade!” — Milena Leão.

“Uma mente aberta, pensadora e criativa é o maior patrimônio que uma agência de publicidade pode ter.” — Kléber Novartes

“A propaganda mais inteligente é aquela que o consumidor entende.” — Jhonathan Cardoso

“Vendas gera lucro; lucro gera investimentos; publicidade gera vendas. Está formado um ciclo. Sem publicidade, está formada uma barreira entre o produto e o consumidor, rompendo o ciclo.” — Nilson Durães

“A publicidade atinge o alto nível de satisfação do consumidor quando a sua mensagem é real, oportuna e adequada às suas condições de vida.” — Helgir Girodo

“Passe cerol nas suas linhas criativas. A publicidade geralmente recompensa os criadores de ideias matadoras.” — Mauro Sérgio de Morais

“Amo publicidade que me faz pensar: ‘como não pensei nisso antes?’.” — Ket Antonio

“A arte da publicidade é árdua, pois consiste em valorizar e vender para outros coisas que não te pertencem.” — Pyneron

“Conheça o seu produto por dentro e por fora antes de começar a trabalhar e relacione esse conhecimento com as necessidades do consumidor.” – Bill Bernbach

“O que realmente faz o consumidor decidir comprar ou não comprar é o conteúdo de seu anúncio, não a sua forma.” – David Ogilvy

“Propaganda diz para as pessoas: ‘aqui está o que nós temos. Aqui está o que ele vai fazer por você. Aqui está como fazê-lo’.” – Leo Burnett

“Boa publicidade não é só circular informação, é penetrar desejos e crenças na mente do público.” – Leo Burnett

“A propaganda efi€ciente é aquela que faz com que as marcas sejam presença constante na mente das pessoas.” — Hadjja Dias

“Você pode dizer a coisa certa sobre um produto e ninguém vai escutar. Você tem que dizer de um jeito que as pessoas vão sentir no intestino. Porque, se eles não sentirem, nada acontecerá.” – Bill Bernbach

“Eu aprendi que você não pode fazer uma boa propaganda sem um bom cliente. Que você não pode manter um bom cliente sem uma boa propaganda. E nenhum cliente jamais comprará propaganda melhor do que a que ele imagina ou deseja.” — Leo Burnett

“Propaganda é um gás venenoso. Ela deve tirar lágrimas dos seus olhos, atordoar o seu sistema nervoso e nocautear você.” — George Louis

“A linguagem publicitária é tão mais e€caz quanto melhor souber trabalhar com o vocabulário do público. Publicitário não inventa nada. Publicitário é revendedor de material usado, talentosamente reciclado.” — Alex Periscinoto


É isso pessoal! Espero que tenham gostado e possam aproveitar em suas ideias criativas.


Acesse nossa área de PORTFÓLIO  e aprecie amostras de nossos trabalhos anteriores.

Peça um orçamento sem compromissos através  da página CONTATO!

 Belas criações  e apresentações para todos e muito sucesso em suas divulgações!


Banner emails retorno4

A R2 Creative em sintonia com você em 2019

Olá pessoal!

O crescimento na criação de Apresentações Profissionais foi o grande destaque em 2018. Cada cliente, cada projeto, cada briefing, cada resultado nos deixaram felizes em termos colaborado para o sucesso de nossos clientes, colaboradores, parceiros, fornecedores, etc.

Como sempre, a criatividade e o desejo em atender bem, nos deixa confiantes para as jornadas futuras, trazendo grandes perspectivas para 2019, e se possível, trazendo novidades e novas alternativas para que todos tenham o melhor produto ou serviço!

A R2 Creative, consciente do seu papel nos meios corporativos, acadêmicos, profissionais e pessoais, está se preparando para um novo ano, na certeza de tê-los conosco em cada atividade.

Um feliz e criativo 2019!

Recursos e destaques do PowerPoint 2013

R2 Creative
Especialistas na criação de Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas
Peça a sua e destaque-se!

Olá pessoal, bom dia!

Seguindo a linha de compartilhar informações em assuntos que possibilitem as pessoas e empresas a se prepararem e planejarem melhor suas apresentações ou formas de comunicação com destaque e qualidade, ver a seguir alguns recursos e facilidades do PowerPoint 2013. Esperamos que seja útil a todos!

E lembre-se: se tiver dificuldades na criação de sua Apresentação, seja ela pessoal, profissional ou acadêmica, estamos à sua disposição!

Capa ppt 2013

Alterações na interface de usuário

  • Com o painel Comentários no PowerPoint 2013, você pode enviar comentários diretamente em uma apresentação e você pode mostrar ou ocultar comentários e revisões.
  • O PowerPoint 2013 oferece opções para iniciar sua apresentação usando um modelo, um tema, uma apresentação recente ou uma apresentação em branco.

Aprimoramentos de design

  • Os temas no PowerPoint 2013 incluem variações, como diferentes paletas de cores e famílias de fontes, facilitando a obtenção do visual desejado em seus slides.
  • Os Guias Inteligentes aparecem automaticamente ao reunir objetos como formas e imagens em um slide permitindo identificar quando os objetos estão uniformemente espaçados.
  • Por ser compatível com o formato widescreen, o PowerPoint 2013 introduziu um layout 16:9 e novos temas concebidos para aproveitar as possibilidades oferecidas pelo formato.

Recursos aprimorados de apresentação

  • Com o PowerPoint 2013 em computadores habilitados para toque, você pode usar gestos de toque para deslizar, tocar, rolar, ampliar e avançar pelos slides.
  • O PowerPoint 2013 tem todos os recursos profissionais de apresentação que você conhece e adora, além de aprimoramentos e novo recursos disponíveis apenas no Office 365.

Por enquanto é isso pessoal! Em nossa próxima publicação compartilharemos informações mais detalhadas sobre essas novidades.


Em breve uma nova publicação para você!

Esperamos que você aproveite e aplique em suas criações!


Especialistas na criação de Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas

Fale conosco e destaque-se!


Apresentações Profissionais e Acadêmicas: crie a sua e expanda sua marca pessoal e profissional

slide r2

Olá pessoal!

Apresento-lhes a agência R2 Creative, cuja especialização é a criação de Apresentações Profissionais e Acadêmicas, além de outros produtos voltados à melhor comunicação de pessoas e empresas.

slide r2-1

Em nossos contatos com clientes que já estiveram conosco, percebemos um avanço considerável nos resultados de campanhas que eles realizaram utilizando a Apresentação como uma das ferramentas de contato com seu público e isto nos deixou muito feliz, pois atingiu o objetivo proposto.  Através de belas criações, formatos e resultados,  é possível atender a todos com muita criatividade dos designers, comprometidos em elaborar o melhor, justamente para atender as expectativas. Os formatos mais procurados nos últimos tempos estão sendo Apresentações Power Point e After Effects.

slide r2-2

Apresentações são excelentes instrumentos, que, se bem utilizados, podem realmente trazer ótimos resultados. Não adianta criar uma e não divulgá-la apropriadamente. Com o advento da tecnologia de ponta atual, com constantes atualizações diárias, que tornam hoje obsoletas as inovações de ontem, utilizar as ferramentas ideais e adequadas como as Apresentações, torna-se uma “arma” fundamental para acessar e atingir os objetivos desejados.

Minha atuação é na área comercial, mas de vez em quando acompanho o planejamento e trabalho dos(as) designers e não me canso de ver como as ideias fluem, surgindo belíssimas criações, tanto em Apresentações como em outros produtos também.

slide r2-3

Seja ela pessoal, corporativa ou destinada a eventos, Apresentações são armas poderosas de comunicação e até para o entretenimento, dependendo do estilo criativo. Por exemplo, para uma empresa, a comunicação é estratégica e colabora para o desenvolvimento do planejamento e seus resultados, enquanto que para uma pessoa, o ideal é falar de si mesmo ou de seu negócio ou produto. Uma boa estratégia de comunicação contribui para uma empresa ou negócio de sucesso e as apresentações colaboram muito para este contexto.

slide r2-4

Faça o seu planejamento e deixe a criação conosco. Se preferir podemos planejá-la juntos!

Será ótimo poder ajuda-la(o).

Conheça o trabalho da R2 Creative! Visite o Portfólio! Baixe a Apresentação Institucional

 Ótimo ano a todos!

Uma mensagem para você!

Olá pessoal!

Final de 2015 se aproximando e surgindo a possibilidade de agradecermos o ano que passou e desejar votos de alegria e sucesso a todos aqueles que estiveram conosco nesta jornada.

Estar com vocês foi ótimo e representou a oportunidade de colocarmos em prática nossas habilidades e conhecimentos à serviços de empresas e pessoas. Foi realmente muito bom ter estado com cada um de vocês! Por isso, deixamos abaixo uma breve mensagem para lembrar esta importante passagem para todos nós.

Um feliz 2016 a todos!

Mensagem r2 final de ano

R2 Creative: Especializados na Criação de Apresentações Profissionais

Os 5 estágios de maturidade no Marketing de Conteúdo

R2 Creative

Especializada na criação de Apresentações Profissionais e Acadêmicas.

____________________________________________

Olá pessoal!

Hoje vamos compartilhar um artigo do site http://contentools.com.br, que trata sobre uma das ferramentas mais utilizadas hoje em dia quando o objetivo é comunicar-se e fazer a diferença.

Esperamos que aproveitem o conteúdo.

O conhecimento dos estágios de maturidade no Marketing de Conteúdo é essencial para que as empresas possam entender onde estão e, consequentemente, aonde chegarão em suas estratégias digitais. Algumas questões ajudam a nortear em que estágio uma empresa se encontra. Vamos conhecer melhor cada um deles?

1. Fase inicial

Nessa fase, o foco está totalmente sobre o conteúdo produzido. A empresa investe na elaboração de materiais, mas em geral é por alguma exigência de mercado.

Exemplos: comunicados de imprensa (press releases), folders e novidades sobre produtos e serviços, encartes para publicações do setor e notícias de eventos internos.

Nesta etapa poucos recursos são alocados para o Marketing de Conteúdo e em geral as organizações neste estágio não estão com a visão de expandir seus negócios ou sair do local em que estão (pelo menos até que os concorrentes comecem a superá-las).

2. Fase de germinação

Aquela sementinha do conteúdo já conseguiu vencer barreiras internas e a empresa passa a acreditar no potencial dos conteúdos. Procuram ferramentas que garantam maior visibilidade a seus conteúdos em sites de buscas, já pensa em SEO e pesquisa palavras-chave que poderia usar.

Empresas nesta fase costumam por consequência colher rapidamente suas recompensas. Mas, depois de um tempo, a visibilidade que continua alta já não corresponde mais em pedidos e vendas crescentes – o que é conhecido como ponto máximo do investimento.

3. Fase de crescimento

Nesta etapa, além dos conteúdos sobre os produtos e serviços oferecidos, a empresa passa a produzir conteúdos informativos e úteis aos clientes.

São exemplos: guias de compras e checklists, conselhos sobre como obter mais valor de um produto ou serviço, artigos e posts sobre novidades no mercado que podem impactar a vida dos clientes.

Empresas nesta fase acabam por atrair um número crescente de comunidades sociais nas quais os clientes não são apenas informados, mas na verdade podem sentir o que a marca representa.

4. Fase de destaque

Aqui o conteúdo já não é mais uma semente faz tempo. Ele se destaca, chama atenção para a empresa e atrai muitos interessados para sua sombra. Nesta fase a empresa possui o melhor conteúdo sobre sua área de atuação.

Ela é a referência, a autoridade por possuir sempre a informação adequada ou a melhor resposta para os clientes em seu seguimento. A divulgação de conteúdos em mídias sociais e sites de parceiros são imprescindíveis para caracterizar a facilidade na obtenção destas informações.

5. Fase frutífera

Nesta fase os conteúdos gerados pela empresa para seus clientes são tão bons e úteis que acabam por gerar receita. A empresa já possui controle sobre o quanto investe na produção e na divulgação de conteúdos, quantos interessados atrai, qual o percentual de conversão em prospects e também quantos negócios são fechados. Ou seja, o funil de vendas do marketing digital fica completo e a empresa colhe os frutos, separa sementinhas e as replanta para criar um lucrativo pomar com a organização e divulgação de seus conhecimentos.

Com qual fase você se identifica?

A partir do conhecimento dos estágios de maturidade do Marketing de Conteúdo é possível que as empresas identifiquem em qual fase estão e quais os esforços necessários para se chegar às outras etapas.

Veja a seguir o infográfico:

infográfico_maturidade_conteúdo

_______________________________________

R2 Creative

Especializada na criação de Apresentações Profissionais e Acadêmicas.

O que é e para que serve gestão de Leads?

—————————————————-

R2 Creative – Especializada na criação de Apresentações

(PPT – PREZI – FLASH – KEYNOTE – 2D – 3D)

—————————————————-

Olá pessoal!

Hoje vamos compartilhar com vocês um artigo do pessoal da Resultados Digitais, relacionado à Gestão de Leads.

Num mundo onde a inovação tecnológica trás novidades todos os dias, a comunicação e o envolvimento que é promovido através dos canais existentes em todos os níveis, cria mecanismos próprios para sua execução e gestão. Tudo é muito dinâmico e novas ferramentas são atualizadas todos os dias com a finalidade de manter fiel a presença do público que desejamos contactar, seja para uma amizade ou até grandes processos empresariais.

Leiam a seguir um artigo sobre uma destas ferramentas, considerada de extrema importância na comunicação e acesso ao público em geral, principalmente os meios empresariais e de negócios:

Gestão de Leads (ou Lead Management, ou Marketing Automation) é um tema que tem ficado bastante em voga lá fora nos últimos tempos. Não à toa: se combinado com as diversas técnicas de atração que falamos constantemente aqui no blog, uma gestão de Leads bem feita tem poder de amplificar significativamente os resultados de negócio com Marketing Digital.

Isso porque, especialmente quando falamos de Marketing B2B, o processo de compra por parte do cliente não é feito de forma impulsiva. Há um ciclo bastante conhecido – e muitas vezes longo – pelo qual ele(a) passa:

O cliente potencial toma conhecimento do tema -> reconhece a necessidade/problema -> demonstra interesse em uma solução -> compara e avalia alternativas -> procede com a compra.

Em todas as etapas o prospect procura uma grande quantidade de informações. Não é difícil concluir que quanto mais a sua empresa ajudá-lo produzindo conteúdo para guiá-lo ao longo do processo, maiores são as chances dele escolher sua empresa ao final.

Além disso, um bom programa de gestão de Leads possui diversas outras vantagens:

  • Permite atrair e reter os potenciais clientes que ainda não estão no momento certo da compra, evitando o “tudo ou nada”;
  • Diminui a fricção no funil, e portanto, aumenta o número de oportunidades concretas geradas pela área de Marketing;
  • Encurta o ciclo de vendas pela educação e estímulo aos Leads;
  • Aumenta a eficiência e a produtividade da equipe de Vendas por entregar Leads mais preparados e no momento certo;
  • Aumenta a retenção do cliente depois da compra, também pela educação e relação de confiança.

Portanto, a missão de um programa de gestão de Leads é identificar os diferentes estágios pelos quais os potenciais clientes passam e alinhar as informações/conhecimentos adequados para entregá-los em cada estágio.

Mas antes de falarmos sobre gestão de Leads, precisamos definir o que é um Lead.

O que é um Lead?

Um Lead é uma oportunidade de negócio para a empresa. De forma mais concreta, Lead é alguém que forneceu suas informações de contato (nome, email, tel., etc.) em troca de uma oferta de valor no seu site (conteúdo, ferramenta, avaliação, pedidos sobre produto/serviço, etc.).

Assim, um Lead é alguém que já demonstrou interesse no tema do seu negócio e que provavelmente gostaria de ouvir mais da sua empresa, tanto em termos de conhecimento quanto sobre ofertas de produtos/serviços. Da mesma forma, é alguém que poderia ser abordado por um membro da equipe comercial, desde que seja o momento certo para tal.

A figura abaixo ilustra onde o Lead se encontra em um funil de vendas tradicional, e onde é a atuação de um programa de gestão de Leads:

Gestao-de-Leads-no-funil-de-vendas

Obs. Em outros tipos de negócio o conceito de Lead pode tomar formas diferentes. Ex.: um usuário cadastrado na versão de teste de um software, alguém que liga para a empresa para buscar mais informações, um assinante de um site de ecommerce, etc.

Por que se preocupar em gerar Leads ao invés de só tentar vender direto

Sobre esse tema já falamos diversas vezes, mas não custa reforçar. Para isso, vamos recuperar alguns trechos do post recomendado anteriormente sobre o conceito do Stadium Pitch do livro The Ultimate Sales Machine, uma das referências na área de Vendas.

O autor (Chet Holmes) identificou que para um mercado qualquer, o momento de compra dos clientes forma quase que um padrão. Segundo ele, apenas 3% do público está ativamente buscando opções e querendo comprar algo e cerca de 6-7% está aberto a propostas. O restante é apresentado na pirâmide abaixo:

leads momento da compra

Como alcançar então um percentual maior da pirâmide e ao mesmo tempo gerar mais credibilidade? É aí que entra a grande sacada do Stadium Pitch. Holmes convida os leitores para responder à seguinte pergunta: imagine um estádio inteiro cheio com os seus potenciais clientes e que você tivesse a oportunidade de falar para todos eles por alguns minutos. O que você falaria?

Grande parte das pessoas responde apresentando a história ou os benefícios do seu produto/serviço, ou seja, fazendo a venda direta. O problema é que basta começar a falar isso e 90% da pirâmide se levanta e vai embora.

Por esse motivo, o seu discurso – e inclua aí o seu blog, Twitter e Facebook, etc. – deve ser centrado em oferecer conteúdo útil para o cliente, independentemente do momento de compra que ele esteja. É preciso falar algo interessante para a pirâmide toda continuar ouvindo.

A geração de Leads vai ao encontro dessa estratégia. Se o site da sua empresa só tiver informações sobre seu produto/serviço, sua mensagem somente ressoará para aqueles 3% a 10% da parte de cima da pirâmide.

Para não “desperdiçar” os outros 90%, sua empresa pode criar ofertas de valor para capturar as informações de contato dessas pessoas e, ao longo do tempo, nutri-las para tentar transformá-las em oportunidades e vendas. (Confira aqui algumas dicas para geração de Leads)

Ainda assim, muitas empresas insistem em querer focar apenas nos prospects que já estão “prontos”, em nome de uma suposta produtividade. O que podemos dizer é que já vimos e ajudamos a fazer funcionar esta máquina de geração de Leads múltiplas vezes. Em todos os casos, não só o número de oportunidades e vendas totais aumentou significativamente, como também o custo de Marketing e Vendas foi ficando cada vez menor ao longo do tempo. Por consequência, essa máquina também é um excelente ativo e uma vantagem competitiva para a empresa a longo prazo.

Por que gerenciar Leads?

Com um trabalho bem feito de Atração e Conversão no topo do funil (figura acima), as empresas invariavelmente caem em um “problema”: o que fazer com tantos Leads?

Já que não podem/querem colocar a equipe comercial para entrar em contato com todos eles, a primeira reação geralmente é tentarspammear a base com suas ofertas de produtos. Isso não só é arriscado por queimar o canal desnecessariamente, mas também é pouco eficiente: segundo pesquisa do Marketing Sherpa com uma grande variedade de empresas B2B, em média 73% dos Leads não estão prontos para a venda.

Por isso, para a área de Marketing só gerar Leads não é suficiente. É preciso ter um processo que ajude os Leads a descer cada vez mais no funil de vendas e “separe o joio do trigo”, entregando para a área de Vendas os Leads com o perfil certo e que já estão mais propensos a comprar a solução.

O que há em um bom programa de gestão de Leads

Neste post não conseguiremos entrar nos detalhes de cada item, mas só para passar uma visão geral, elencamos abaixo quais são os componentes de um bom processo de gestão de Leads.

a) Gerar Leads;
b) Coletar informações de inteligência;
c) Implementar pontuação para os Leads;
d) Fazer a nutrição dos Leads;
e) Gerar oportunidades comerciais;
f) Mensurar e otimizar (com feedback de Vendas).

Esse processo parece complexo (de fato não é simples), mas esse “problema” da gestão de Leads só aparece quando já há um grande volume de geração de Leads e impossibilidade da área de Vendas dar conta de tantas oportunidades de forma produtiva. Por isso sempre recomendamos focar primeiro em volume, depois em otimização.

Recomendamos bastante o Webinar “Gestão de Leads”, em que falamos do assunto e entramos muito mais a fundo.

Fonte: http://resultadosdigitais.com.br/  by  Eric Santos

Construtoras apostam em tecnologia para aumentar vendas

Empresas apostam em experiências lúdicas de imersão para atrair compradores para empreendimentos de luxo. Investimentos costumam equivaler ao valor de uma unidade do prédio.

Por Luisa Medeiros, do Mundo do Marketing

Os preços altos dos imóveis e a inflação estão levando a compra da casa própria para o final da lista de prioridades de muitos brasileiros. As imobiliárias, por sua vez, focam em quem ainda tem potencial de compra e, para atingir essa parcela da população, investem em empreendimentos de alto padrão, com apartamentos que variam de 100 a 900 metros quadrados, inseridos em estruturas de serviços e lazer diversificados. Para driblar a insegurança dos consumidores e continuar vendendo, as empresas do ramo lançam mão de tecnologias de ponta para gerar experiência e convencer por meio da emoção.

Os novos dispositivos e a proximidade com o universo digital abrem caminho para as vendas em capitais como São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, onde um apartamento novo de 50 metros quadrados não saiu por menos de R$ 300 mil em 2013. Comprar uma unidade na planta custou 9% mais caro do que no ano anterior, de acordo com uma pesquisa da Lopes Consultoria e Intermediação Imobiliária. Em 2014, ao contrário do que os consumidores desejam, o mercado ainda não dá sinais de queda nos preços e as regiões mais procuradas mantém a valorização.  Na jornada de convencimento do shopper, as equipes de venda somam aspectos técnicos como metragem, mapas, infraestrutura e condições de pagamento a experiências lúdicas.

As companhias investem em simuladores de voo, realidade aumentada, imagens aéreas e cinema 3D. “Em 2014, as vendas de imóveis de primeira locação já estão cerca de 30% abaixo do acumulado dos quatro primeiros meses do ano passado. As tecnologias fazem com que o cliente se sinta especial, estimulando a compra de um produto caro e que não será palpável de imediato. O que impera é a ideia do encantamento”, diz Gilberto Braga Professor de Finanças do IBMEC Rio, em entrevista ao Mundo do Marketing.

A personalização é essencial

As experiências inusitadas, na maioria dos casos, ainda estão restritas ao carro-chefe das maiores construtoras. Isso acontece porque o novo investimento equivale em média ao preço de uma unidade do projeto. Sendo assim, as construtoras dão preferência aos projetos maiores e com tíquete médio mais elevado por unidade. “Os valores não são absurdos quando comparados com anúncios em televisão ou jornais de grande circulação, mas mesmo assim o investimento em tecnologia representa uma mudança no mix de divulgação”, diz Gilberto Braga.

Seis meses de uma ativação com projeção em 3D, por exemplo, podem custar até R$ 900 mil. Esse é o preço da personalização que diferencia o empreendimento dos demais. O aumento da demanda já leva companhias a se especializarem na criação de espaços interativos para stands de vendas, como a Volcano Hotmind. Entre as experiências de imersão criadas pela empresa está uma cúpula de projeção de vídeos em 360º feita para a Odebrecht. O projeto garante ao cliente a sensação de estar dentro do projeto, antes mesmo da obra ser iniciada.

Todas as soluções são pensadas de forma individual. “Ao desenvolvermos um estande de venda, não oferecemos à construtora produtos prontos, de prateleira. Somos uma empresa de criação e produzimos a partir do problema que o cliente nos apresenta de forma individualizada”, comenta Paulo Blassioli, Sócio e Diretor de Projetos da Volcano Hotmind, em entrevista ao Mundo do Marketing.

construtoras 1

 

De olho no cliente conectado
Esse posicionamento tecnológico pretende fundir o processo de compra nos ambientes on e offline para se aproximar do comportamento dos consumidores contemporâneos e, assim, atender melhor às suas demandas. “As pessoas estão diariamente conectadas, o que levou o mercado a sentir a necessidade de se adaptar e trazer ferramentas que saíssem do papel e estivessem alinhadas a um DNA inovador. Na Gafisa, todas as ações pensadas para o ponto de venda são automaticamente adaptadas para as redes sociais e para os dispositivos móveis. O consumidor está mais exigente e é menos impactado pela mídia tradicional”, analisa Érika Fugiwara, Gerente Geral de Marketing da Gafisa, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Para chegar ao bolso do consumidor, as construtoras focam primeiro no seu coração. Na divulgação de um novo projeto, os tradicionais banners, maquetes e apartamentos decorados não são mais suficientes. As construtoras passam a competir entre si para surpreender o consumidor e lançam mão de estratégias que misturam games, realidade aumentada e entretenimento. “A visita a um projeto se torna divertida. A experiência agrada desde crianças de cinco ou seis anos que vão junto com os pais até a terceira idade. É como ir à Disney, todo mundo gosta”, comenta Paulo Blassioli.

Para a Gafisa, a solução foi a simulação de um voo de balão em 3D que permitia conhecer a área verde e as particularidades do bairro de Vila São Francisco, em São Paulo, onde o empreendimento Lorian Boulevard estava sendo erguido. “O cliente entra com outro humor no stand e fica mais aberto a negociação porque já teve uma experiência legal. Oferecemos outra visão do stand, o que viabiliza uma aproximação diferenciada por parte do corretor”, diz o Sócio e Diretor de Projetos da Volcano Hotmind.

Mercado de luxo tem corretores cada vez mais sutis
A experimentação prévia do consumidor em simuladores online e as consultorias por meio de chats elevam a expectativa com relação ao atendimento físico, especialmente para os empreendimentos de luxo. A construtora HDauff, que tem seu foco neste tipo de imóvel, também investiu na criação de entusiasmo nos clientes por meio de um vídeo em 3D que simula um tour pelo empreendimento. A produção foi semelhante a de um filme para o cinema com direito a reuniões de roteiro e produção. O investimento se justifica à medida que o cliente começa a visualizar o empreendimento de forma mais realista.

O contato pessoal com a construtora não tem mais apenas a função de informar sobre os processos de compra e sim de gerar experiências emocionais e sensoriais. “Atualmente o consumidor tem bastante informação sobre o mercado imobiliário. Quando chega ao stand já sabe como é o bairro, se tem padaria e escolas boas e quanto custarão as parcelas do apartamento”, aponta Rafael Hawilla.

Esse novo padrão de comportamento tem demandas para além de questões tecnológicas e exige um novo posicionamento das equipes de vendas para se alcançar o convencimento. “Cada vez que lançamos um projeto, ocorre um novo treinamento para os consultores. No momento do contato interpessoal, a equipe de vendas deve ser sutil e evitar aspectos muito técnicos. Este é o momento de tocar na emoção, porque é o sentimento que impulsiona a decisão”, analisa o Rafael Hawilla é Diretor Vice Presidente da HDauff.

construtoras 2

 

O pós-venda também merece atenção
A aproximação entre as empresas e os compradores dos imóveis não fica mais restrita ao momento da compra. A manutenção do diálogo durante o processo de construção ajuda a minimizar a ansiedade dos futuros moradores e a solidificar a confiança na marca. A Tecnisa, que já investe em incrementos digitais desde 2002, quando iniciou suas vendas pela internet, agora aposta em inovação para o relacionamento com o consumidor. “Na prática do mercado, depois da venda, a única comunicação que o consumidor tem com as construtoras é o boleto que chega todos os meses”, diz Gustavo Reis, Gerente de Marketing e Ambientes Digitais da Tecnisa, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Para se diferenciar a empresa passou a investir em rodadas de Fast Dating com foco em inovação. A ideia consiste na apresentação de projetos de empresas de pequeno porte para executivos da Tecnisa com a intenção de serem aplicados para melhorar diferentes áreas dentro da companhia. Um dos projetos mais recentes consiste na documentação da evolução da obra por meio de vídeos captados por drones. “De cara ficou evidente que valia a pena juntar esta tecnologia com relacionamento com o cliente, possibilitando que ele recebesse mensalmente um material com o que tem de novo na obra”, conta Gustavo Reis.

Os robôs fazem imagens aéreas das fases de construção. Essa é uma evolução digital das vistorias físicas que a construtora sempre promoveu com os clientes em seus canteiros de obra. A expectativa é de que em pouco tempo os compradores possam identificar particularidades de sua unidade com imagens reais da obra, por meio do smartphone ou do computador. “Isso é importante porque este é predominantemente o bem mais caro que a pessoa vai comprar na vida e existem muitas expectativas envolvidas. Antes, se alguém queria saber como estava uma obra, precisava passar em frente ao prédio”, aponta o Gerente de Marketing e Ambientes Digitais da Tecnisa.

Veja as imagens captadas pelo drone da Tecnisa no empreendimento Parque Jardim das Perdizes:

_____________________________________________________

EM BREVE A R2 CREATIVE ESTARÁ LANÇANDO MAIS UMA NOVIDADE QUE IRÁ COLABORAR COM AS CONSTRUTORAS E SEUS PROCESSOS DE VENDA. AGUARDEM!!!

_____________________________________________________

R2 Creative – Especializada na criação de Apresentações Profissionais

 

Os Apps mais populares em alguns países

Olá pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje vamos compartilhar um infográfico que mostra a evolução e a popularidade de alguns Apps no mercado mundial.

Sabemos que tudo vai se modernizando e a cada dia surgem novidades nesta área, por isso pedimos desculpas se já estiver desatualizado.

De qualquer forma, os Apps tornam-se um mercado em franco crescimento e seu uso aumenta a cada dia.

Vejam a seguir o infográfico para terem uma ideia.  Boa leitura.

arteapps