Dicas para treinar sua criatividade e criar apresentações diferentes

Olá pessoal, compartilhando com vocês uma publicação da Agência Soap.

Dicas legais para quem deseja inserir um toque de criatividade em suas Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas. Ver o artigo logo a seguir:


Dicas para treinar sua criatividade e criar apresentações diferentes

Sempre falamos que apresentação não é sinônimo de PowerPoint. Ou seja, o que define a qualidade de uma apresentação não são os slides, mas sim o conteúdo e a habilidade do apresentador. Porém, um visual caprichado é um ótimo apoio para demonstrar profissionalismo, facilitar o entendimento da audiência e trazer mais emoção ao discurso. Trabalhar sua criatividade pode ser útil para fugir do padrão e criar apresentações diferentes e com referências interessantes para a audiência.

Busque inspiração

Apresentações criativas são aquelas que fogem do padrão. Entrar em contato com imagens inspiradoras é o primeiro passo para produzir slides com um visual que se destaque. Você pode imaginar, por exemplo, que filmes de arte não tenham nada a ver com o ambiente corporativo. Porém, referências de qualquer gênero e modalidade artística são capazes de chamar a atenção, muitas vezes de forma inusitada. Basta encontrar uma analogia que faça sentido. Então, deixe o peso na consciência de lado na hora de gastar uma horinha do seu dia assistindo ao Netflix ou visitando uma exposição de arte. Mas não use esses programas apenas para se distrair. Preste atenção nos detalhes. Comece a reparar em como o visual é trabalhado e como as metáforas são construídas. Em vez de olhar para a tela em branco e esperar a inspiração surgir, outra sugestão é acessar sites com exemplos de layouts, como Pinterest e Behance , e se atentar às ideias.

Pratique Mindfulness

Emoções negativas do dia a dia, como o estresse, podem ser empecilhos para a concentração. Nessas horas, fazer algo relaxante e que ajude a focar no “aqui e agora” é uma maneira de abrir espaço para a inspiração e a criatividade. Para isso serve o mindfulness, técnica originária da meditação budista – porém, sem o cunho religioso. A prática consiste em se sentar em uma posição confortável, fechar os olhos e manter a concentração na respiração por alguns minutos. Caso você não esteja habituado a meditar, pode começar com cinco minutos por dia e, aos poucos, aumentar o tempo de permanência.

Traga metáforas para a sua apresentação

Se a sua audiência não for expert no assunto que você vai apresentar, utilizar metáforas pode facilitar a compreensão. Uma apresentação financeira, por exemplo, em que serão mostrados muitos números, pode ser complexa e entediante. Para aumentar as chances de o público prestar atenção, uma opção é utilizar bananas e laranjas para representar os valores. Ou, então, para falar de crescimento profissional, fazer uma analogia à transformação de uma lagarta em uma borboleta. Na hora de inovar, o fato de ter uma bagagem cultural é um facilitador. Outra dica é conversar com pessoas que entendem bastante do assunto sobre o qual você vai falar: elas podem ajudar a criar boas analogias que fujam dos clichês. (Confira alguns exemplos clicando aqui)

Aperfeiçoe-se no PowerPoint

Saber mexer no Photoshop ajuda você a construir imagens únicas e inovadoras. No entanto, se não tem este conhecimento, não pense que suas apresentações serão necessariamente ruins. O PowerPoint apresenta inúmeras ferramentas que possibilitam apresentações criativas, mesmo para os iniciantes. Por exemplo, a técnica de recortar o fundo quando se quer utilizar apenas uma figura da imagem. Ou a sobreposição de imagens, quando se deseja inverter a ordem de duas figuras.

Caso queira aperfeiçoar suas técnicas no PowerPoint, baixe nosso e-book Guia básico de ferramentas do Power Point 2013.


Em breve uma nova publicação para você! Esperamos que você aproveite e aplique em suas criações!


Especialistas na criação de Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas

Peça a sua e destaque-se!


Anúncios

Apresentações Profissionais e Acadêmicas_Uma história bem definida_parte 1

slide

Olá pessoal!

Não me canso de afirmar que se queremos ter uma apresentação que cause impacto e impressione pela beleza, qualidade visual e conteúdos, importante saber que algumas questões devem ser bem definidas antes da sua idealização e criação.

Imagine você escrevendo um livro ou até uma simples redação, qual é o principal ingrediente  que cativa e chama a atenção? O que é que desperta nas pessoas a curiosidade de ver o próximo slide, a próxima página, para saber o que vai acontecer no momento seguinte. Posso afirmar com certeza que este principal ingrediente na concepção é e sempre será, o seu roteiro.

As melhores apresentações são aquelas que “contam” uma história bem definida, com começo, meio e fim. Quando contamos uma história, a compreensão do público é muito mais clara, o entendimento do conteúdo é muito maior e encanta aquele que visualiza suas próprias aspirações no contexto apresentado. Sem dúvidas, vai impressionar e chamar a atenção de qualquer público e em qualquer momento. Seja criança ou adulto, todos adoram uma bela história.

O roteiro é a peça chave fundamental na criação de uma apresentação e depois de elaborado, é só deixar a imaginação do design agir para mostrar o conteúdo de maneira criativa e capaz de encantar.

A R2 Creative, sempre se preocupou com essa linha de pensamento e é por isso que considera o roteiro a principal “arma” na criação de uma Apresentação Vencedora, e para isso trabalha fortemente junto ao seu cliente o levantamento de informações capazes de atendê-lo e torná-lo satisfeito e feliz com o resultado. Nosso diferencial é ajudar o cliente a contar essa história.

É lógico que existem outros ingredientes, mas esta é uma outra história.

Não importa se corporativa, pessoal, produtos, serviços, projetos, acadêmicas, etc., todas elas necessitam de uma ótima história para brilhar.

Conte uma bela história, o restante é só deixar em nossas mãos!

Pense nisso antes de criar a sua apresentação. Precisa de ajuda para criar a sua?

Fale conosco marcelo.rachid@r2creative.com.br e peça um orçamento sem compromisso. Se desejar, adicione meu celular e poderemos conversar via Whatsapp ((11)97655-2347

Até a próxima publicação! Abraços a todos!

Nota: Publicado originalmente na rede Linkedin.

Você já pode compartilhar documentos pelo WhatsApp

R2 Creative

Especialistas na criação de Apresentações Profissionais e Acadêmicas!


Olá pessoal! Bom dia!

Estou passando para compartilhar com vocês um artigo de Paulo Higa da Tecnoblog, que informa mais uma facilidade que a tecnologia nos oferece para nossas atividades no dia a dia. Falo da possibilidade de enviar documentos e arquivos pelo Whatsapp, cuja facilidade será muito legal e útil a todos que necessitem desta opção.

Como esta novidade entrou na ar em março/2016, é bem provável que muitos já tem esse conhecimento, porém, como é do nosso costume, tudo aquilo que julgamos interessante e útil para a comunicação e marketing das pessoas, compartilhamos a informação. Esperamos que seja útil a você!

Veja a seguir o artigo:

whatsapp-documentos

Você não precisa mais compartilhar links para arquivos na nuvem ou se limitar a enviar somente fotos e vídeos pelo WhatsApp. As versões mais recentes do aplicativo de mensagens para Android e iPhone adicionaram a função de envio de documentos nos chats e grupos, permitindo que você compartilhe rapidamente um PDF com seus contatos.

O recurso ainda é bem limitado se comparado com o que é oferecido por concorrentes como o Telegram, que permite o envio de qualquer tipo de arquivo de até 1 GB — nos meus testes, ainda não era possível enviar nem arquivos do Word pelo WhatsApp, por exemplo, apenas documentos em PDF ou convertidos do Google Drive. Mas já é alguma coisa.

O botão para compartilhar documentos está no menu onde é possível enviar fotos, vídeos, contatos e localização. No caso do Android, você pode enviar arquivos que estiverem tanto na memória do aparelho quanto no microSD. Quem tiver iPhone pode escolher documentos armazenados em serviços de nuvem, como iCloud Drive e Google Drive.

A novidade está sendo liberada aos poucos para todos os usuários com a última versão do WhatsApp para Android e iOS. Se você já atualizou o aplicativo de mensagens no seu Android, mas ainda não recebeu a opção, experimente baixar o APK da versão 2.12.489 diretamente na página do WhatsApp.


logo R2_transparente

 

Apresentações Pessoais e Profissionais

Slide12

O mercado profissional e até o informal está em constante fase de mutações. Todos os dias surgem novidades quando o assunto é comunicação, marketing, divulgação, etc.

Marketing de Conteúdo, Geração de leads, Sites Modernos em modelos responsivos, Redes Sociais cada vez mais preparadas para oferecer alternativas interessantes, estão hoje preparadas para hospedar diversos meios de comunicação, sendo as apresentações uma delas.

Uma avalanche de possibilidades está inundando o mercado e que após o advento da internet, permite a aproximação em tempo real com qualquer parte do planeta.

Dentre todas essas possibilidades, existem elementos criativos que compõem este maravilhoso cenário e entre eles eu destaco as Apresentações, como uma das mais interessantes e úteis quando desejamos nos comunicar e divulgar o que somos e o que fazemos de maneira efetiva em todos os sentidos, pois, salvo algumas exceções, são de curta duração, objetivas, práticas e passam a mensagem necessária que o interlocutor deseja transmitir ao seu público. Não importa o software ou aplicativo usado para criá-las, hoje em dia podem ser visualizadas em todos os canais possíveis de comunicação (TV, Banners Eletrônicos, Totens, Sites, Nuvens, Aplicativos, Computadores, Tablets, Celulares, etc.)

A R2 Creative utiliza diversas formas e pacotes para a criação das apresentações e não está somente preocupada em vender produtos ou serviços, mas tem a constante preocupação em orientar o cliente em todas as etapas para que ele possa ter acesso à melhor apresentação que corresponda às suas expectativas.

Apresentação pessoal, profissional, institucional, para negócios, lançamento de produtos, divulgação de serviços e oportunidades, trabalhos acadêmicos, para quem quer conseguir um emprego, etc, enfim, são inúmeras possibilidades, todas esperando por você que deseja dar um “Up” em sua vida pessoal e profissional e colocar o seu negócio em evidência.

Entre com CONTATO conosco e deixe-nos ajudá-lo a encontrar a sua melhor opção.

Acesse nossa área de PORTFÓLIO e conheça algumas de nossas criações.

R2 Creative – O mundo da criação de Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas.

CERVEJARIA FAZ CANADENSES CANTAREM PARA ABRIR GELADEIRA

R2 Creative

“Um mundo de Apresentações Especiais”

————————————————————————————————————–

Olá pessoal!

Não me canso nunca de perceber a capacidade de criação das pessoas. A iniciativa da cervejaria Molson e a agência Rethink mostrou como isto é possível, além de divulgar a marca e divertir ao consumidor. Muito bom mesmo! Leiam a seguir:

———————–

A marca de cerveja Molson é conhecida por usar o senso de patriotismo dos canadenses em suas campanhas. E desta vez teve a ideia de fazê-los cantar o hino nacional para abrir uma geladeira colocada em alguns lugares inusitados pelo país.

Idealizada pela agência Rethink, a ação de live marketing foi pensada com o objetivo de comemorar os 147 anos do Canadá. Para que a geladeira abrisse, era preciso empolgação e precisão, do início ao fim do hino.

 canadense

O senso de patriotismo também foi estendido para turistas que quisessem ganhar uma cerveja gelada. É claro que para esses a tarefa foi um pouco mais difícil, afinal, a maioria dos cidadãos sequer sabe o hino completo do seu país, o que dirá de um distante!

Confira no vídeo o desempenho dos participantes – e pare de criticar os brasileiros que não sabem cantar o hino nacional. O mal, aparentemente, é global!

(Este vídeo foi bloqueado pela Molson Canadian)

Caso desejem vê-lo acessem a página deles no facebook: https://www.facebook.com/photo.php?v=10152144449536956&video_source=pages_finch_main_video  

—————————————————————

Fonte deste artigo: http://promoview.com.br/

Mulheres lucram com a venda de camisetas bem-humoradas na internet

camisetas-engracadas-do-seu-madruga Loja-Camiseta-da-Hora toto larga o twitter

Olá pessoal!

A criação está presente em todos os lugares e movimentos da sociedade. Quando surgem oportunidades, as pessoas logo se mexem, se agigantam, buscam alternativas, soluções, planejam e encontram sempre formas criativas de se colocar no mercado ou em meios de comunicação. Dentro deste conceito, hoje vamos compartilhar informações de uma onda que está proporcionando às pessoas, principalmente as mulheres, a possibilidade de colocarem em prática sua criatividade e trabalho através de um negócio que tem se mostrado rentável para quem se definiu para ele. E o mais vantajoso, por ser de baixo custo.

Em busca da independência financeira, muitas mulheres têm se aventurado no mercado de franquias de diferentes setores. E uma franchising que tem conquistado cada vez mais o gosto das brasileiras é a “Camisetas da Hora”. A empresa inaugurou um sistema de micro franquias em 2011 e demonstrou ser uma ótima opção para quem quer lucrar com a internet.

De acordo com um levantamento realizado pela e-commerce de camisetas do Brasil, o público feminino já representa 30% dos micro franqueados.

O motivo? A possibilidade de trabalhar em casa, flexibilidade no horário e um retorno rápido impulsionam as empreendedoras para este setor.

Para Marcelo Ostia, idealizador da marca, outra razão que atraiu as mulheres é que os investimentos são acessíveis e variam entre R$ 1.650 e R$ 3.200. “A nova empresária ganha um estoque virtual de camisetas, uma loja virtual onde pode trabalhar sua própria marca e todo um sistema de logística para vender pela internet”, informa ele.

Ele ainda explica como é realizada a instalação da loja virtual: “É feita com a marca da empreendedora. Ela vende os produtos, nós produzimos e cuidamos da logística”.  Segundo Ostia, o retorno financeiro é de curto prazo, mas depende da dedicação de cada empreendedora.

A empreendedora que atentou para esse segmento foi Ana Gouvêa, 35 anos proprietária do e-commerce www.lojadafulaninha.com.br. Ela conta que dois fatores chamaram a sua atenção: primeiro foi o fato de que ela gosta de camisetas divertidas; o segundo foi o mercado em expansão.

“Investi R$ 3.200 para adquirir a ‘revenda’, que depois foi migrada para micro franquia, mais o valor do domínio (R$ 30,00) e só! Recuperei o valor investido em dois meses”, relata. “O empreendimento é fácil, o mercado é imenso e o sucesso só depende da dedicação de cada um”, finalizou.

CONHEÇA OS PLANOS: http://www.camisetasdahora.com/oportunidades-franquias

Fonte: Grupo Eventos de Marketing Digital, Comunicação e Administração no Facebook.

_________________________________________________________________________

R2 Creative! A solução ideal em Apresentações Profissionais e Acadêmicas!

Conheça nossa área de Portfólio: R2 CREATIVE

 

Como posso me tornar mais criativo?

criação

Fonte: http://www.administradores.com.br (Fábio Zugman)

Buscar conhecimentos e experiências em lugares diferentes e inusitados é uma estratégia importante.

Neste artigo, vamos abordar um tema que, não raras vezes, é assunto de debate em escolas, universidades e empresas: a criatividade. A pergunta escolhida desta vez foi enviada pelo internauta Bruno Moraes, que diz entender a criatividade e a capacidade de inovar habilidades que podem ser desenvolvidas, em vez de atributos natos, como se costumava acredita no passado. E aí ele quer saber: quais as melhores escolas de criatividade e inovação.

Então, Bruno. Há não muito tempo, havia uma bela discussão sobre se a criatividade podia ser aprendida ou se fazia parte daquelas coisas com as quais nascemos e não temos muita opção. Hoje, apesar de haver questões sobre fatores genéticos e ambientais que limitam ou potencializam determinada característica, já há algumas iniciativas de sucesso que mostram que é possível sim ensinar e incentivar a criatividade (e, em consequência, tornar pessoas e empresas mais inovadoras).

E isso levou a outra questão… Não há, exatamente, uma ou outra escola que te ensine a ser mais criativo ou inovador. Isso porque, se hoje os pesquisadores concordam que é possível incentivar a criatividade, não conseguem concordar se ela é um fator geral, aplicável a diversas áreas, ou é algo que depende do contexto.

Em outras palavras, dizer que você é criativo em algo não é o mesmo que dizer que você é criativo em tudo o que faz. Não é porque alguém é considerado criativo em sua profissão, que será criativo em qualquer outra coisa. Do mesmo modo, pessoas em profissões e funções decididamente não criativas podem muito bem chegar de seu trabalho e tocar um instrumento musical ou praticar algum esporte de forma criativa.

Na verdade, intuitivamente essa idéia faz sentido. Não esperamos que um profissional criativo na área de marketing seja de muita ajuda para resolver os problemas jurídicos da empresa de forma criativa.

A primeira parte de sua resposta, então, seria: escolha a área em que você quer se tornar criativo e mergulhe nela com todas as suas forças. Voltando ao nosso exemplo, dificilmente alguém que leu o mesmo livro-texto que todos os outros profissionais de marketing se torna criativo nessa área. É preciso ler outros 15 livros. É preciso conhecer pessoas que atuam nessa área. Atualizar-se constantemente. Fazer conexões, ver e entender diferentes modos de lidar com as mesmas questões.

As pessoas criativas em uma área tendem a ser também aquelas mais produtivas. Criatividade é algo que dá trabalho. Isso quer dizer que, se você realmente quer se tornar criativo em algo, não há uma escola que vai fazer isso por você. Provavelmente, será preciso frequentar várias escolas diferentes, passar por diversas experiências, realizar diferentes projetos, até você começar a enxergar a área que escolheu de modo diferente.

Indo para o outro lado da discussão, há uma linha de pesquisa que busca os fatores gerais da criatividade. Por essa linha, a criatividade seria algo parecido com nossa inteligência analítica. Uma ferramenta que pode ser usado em diversas ocasiões diferentes, uma vez que aprendamos a usá-la e desenvolvê-la. Nesse caso, a melhor forma de desenvolver a criatividade seria desenvolver interesses diversificados. Ou seja, arranje um hobby, aprenda a tocar um instrumento musical, faça um novo esporte ou atividade. Frequente aulas e leia sobre assuntos fora de sua área de atuação. Muitas pesquisas que tratam a criatividade como uma habilidade geral chegam à conclusão de que realizar diferentes tipos de atividade faz com que seu cérebro comece a fazer conexões diferentes. Quanto mais variação você busca no mundo, mais matéria-prima vai ter na hora de ligar suas idéias.

Resumindo, Bruno, com o que sabemos hoje sobre criatividade, você tem duas lições de casa. A primeira é encontrar aquilo em que realmente quer ser criativo e se dedicar de verdade. A segunda é buscar conhecimentos e experiências em lugares diferentes e inusitados.

Sem informação não há criação!

(Imagem de http://www.sargentsfineart.com)

O sucesso pleno de um projeto de design online, off-line e de uma campanha publicitária, além da criatividade da equipe envolvida no projeto, se deve muito a elaboração de um bom briefing. Essa é, ou pelo menos deveria, ser a etapa inicial e uma das mais importantes realizadas pelo atendimento junto ao cliente, é o momento de conhecer melhor a empresa, os serviços e/ou produtos oferecidos e as expectativas do cliente em relação ao resultado final do projeto.

Um briefing bem elaborado direciona o trabalho do criativo com foco em atender a expectativa do cliente, tendo maiores possibilidades de aprovação com o mínimo de alterações no projeto, evitando assim o retrabalho que é o grande vilão responsável, na maioria das vezes, pelos  atrasos na entrega do projeto final com prazos já tão apertados.

Os tópicos a seguir para a  elaboração de um briefing são fundamentais para direcionar melhor o trabalho do profissional de criação:

1 – Objetivos do Projeto

Informações sobre o objetivo a ser atingido com a implementação do novo projeto, que pode ser: mudança de identidade visual, lançamento de produto, novo posicionamento da marca em relação a concorrência, são diversas as possibilidades.

2 – Concorrentes

Conhecer ao máximo pelo menos três concorrentes diretos, observando aspectos técnicos do produto, sistemas de produção, o diferencial de cada um e o posicionamento das marcas no mercado.

3 – Informações sobre a empresa

Informações sobre a empresa como: sua história desde a fundação, missão, valores, infraestrutura e o histórico de ações desenvolvidas no passado.

4 – Detalhes técnicos do produto e/ou serviço (lançamento)

Detalhes técnicos, assim como o máximo de informações possíveis sobre produto e/ou serviço são importantes para destacar como diferenciais na comunicação.

5 – Oportunidade de mercado

Análise do mercado no segmento de atuação da empresa para identificar a oportunidade para lançamento de um novo produto e/ou serviço.

6 – Posicionamento da marca em relação à concorrência

Existem diversas marcas e produtos similares no mercado, mas qual o posicionamento da marca em relação à concorrência? O que a faz estar nessa posição? Quais seus diferenciais?

7 – Público-Alvo  (Target)

Quem é o público-alvo? Essa é a umas das principais questões para a criação de peças impactantes que “conversem“ de forma eficiente com o público a ser atingido.

8 – Abrangência geográfica

A ação será regional? Ou em todo o território nacional? Ou ainda, será uma campanha internacional? São informações importantes para adequação cultural do projeto que será visível nas peças desenvolvidas.

9 – Visual

Definir o visual da campanha de acordo com a mensagem que a empresa quer passar. Algumas empresas tem restrição no uso de algumas cores, por exemplo, para essas informações o ideal é ter acesso ao Manual de Identidade Visual da empresa, esse material ajuda muito na elaboração dos layouts no processo criativo, é possível saber o que pode e o que não pode ser feito.

10 – Expectativa em relação ao público-alvo

O que o cliente espera ter como resultado com a implementação do projeto. Prever como será a receptividade do público-alvo.

11 – Considerações gerais das ações no meio digital e impresso

Nas considerações gerais informar o que foi definido com o cliente em relação às ações no meio digital e impresso, quais peças serão divulgadas em cada meio e como as ações serão conduzidas.

12 – Cronograma

Elaboração de um cronograma com todas as etapas para desenvolvimento do projeto desde o primeiro contato com o cliente até a entrega do projeto final.

Fonte: http://midiaria.wordpress.com