Google revela termos mais procurados em 2012

Google-Zeitgeist-2012

Gigante de buscas revelou maiores eventos marcas, músicos e músicas mais procuradas ao longo do ano  de 2012.

O Google anunciou nesta quarta-feira, 12, seu Zeitgeist anual, ranking que reúne maiores eventos, marcas mais procuradas, músicas e músicos mais populares no ano, entre diversas outras categorias, baseada em pesquisas feitas por usuários no Brasil e lá fora. Vale a pena conferir o vídeo com um resumo logo abaixo do texto.

Termos gerais mais procurados no Brasil em 2012
1. Face
2. BBB12
3. Ask
4. Avenida Brasil
5. Zerg Rush
6. Eleições 2012
7. Transformice
8. Enem
9. TRE
10. Fina Estampa

Termos gerais mais procurados no mundo em 2012
1. Whitney Houston
2. Gangnam Style
3. Hurricane Sandy
4. iPad 3
5. Diablo 3
6. Kate Middleton
7. Olympics 2012
8. Amanda Todd
9. Michael Clarke Duncan
10. BBB12

 

Anúncios

Infográfico: qual é o retrato do uso das redes sociais nas empresas brasileiras?

____________________________________________________

Fonte: http://midiaria.wordpress.com  (Publicado por )

Recente pesquisa apresentada pela Gentis Panel que entrevistou 1.709 pessoas, de presidentes a estagiários em empresas brasileiras, chegou nos seguintes resultados, destacados no infográfico a seguir:

 

Analisando os pontos de destaque do infográfico e da pesquisa

– 77% dos entrevistados usam Facebook (dentro e/ou fora do trabalho);
– 50% dos respondentes têm o LinkedIn como a segunda rede mais acessada. Vale lembrar que as entrevistas foram feitas com um público corporativo;
– 55% dos entrevistados são a favor do uso de redes sociais em ambiente corporativo.

  • Motivos dos indivíduos serem A FAVOR do uso de redes sociais em ambientes corporativos:

– 80% – Colabora com networking entre profissionais e com a geração de novos negócios para a empresa;
– 60% – Facilita a comunicação e a socialização entre funcionários;
– 44% – Permite estar por dentro do que é falado sobre a empresa na web;
– 43% – Ajuda a aliviar o stress do dia a dia por manter as pessoas conectadas com amigos e familiares.

  • Motivos dos indivíduos serem CONTRA o uso de redes sociais em ambientes corporativos:

– 95% – As pessoas não conseguem separar o uso pessoal do uso corporativo. Perde-se muito tempo de trabalho com assuntos pessoais;
– 31% – Facilita o vazamento de informações confidenciais para pessoas indevidas;
– 31% – Aumenta o risco de exposição indevida da marca por meio de pronunciamentos indevidos de funcionários que não estão autorizados a falar em nome da empresa;
– 31% – Fonte de informação desnecessária e irrelevante para o trabalho;
– 26% – Fazem uma exposição pessoal inadequada ao ambiente de trabalho;
– 12% – Afasta as pessoas de um contato pessoal real mais produtivo e social (olho no olho).

Qual a sua opinião referente ao uso das redes sociais no trabalho?

Sem informação não há criação!

(Imagem de http://www.sargentsfineart.com)

O sucesso pleno de um projeto de design online, off-line e de uma campanha publicitária, além da criatividade da equipe envolvida no projeto, se deve muito a elaboração de um bom briefing. Essa é, ou pelo menos deveria, ser a etapa inicial e uma das mais importantes realizadas pelo atendimento junto ao cliente, é o momento de conhecer melhor a empresa, os serviços e/ou produtos oferecidos e as expectativas do cliente em relação ao resultado final do projeto.

Um briefing bem elaborado direciona o trabalho do criativo com foco em atender a expectativa do cliente, tendo maiores possibilidades de aprovação com o mínimo de alterações no projeto, evitando assim o retrabalho que é o grande vilão responsável, na maioria das vezes, pelos  atrasos na entrega do projeto final com prazos já tão apertados.

Os tópicos a seguir para a  elaboração de um briefing são fundamentais para direcionar melhor o trabalho do profissional de criação:

1 – Objetivos do Projeto

Informações sobre o objetivo a ser atingido com a implementação do novo projeto, que pode ser: mudança de identidade visual, lançamento de produto, novo posicionamento da marca em relação a concorrência, são diversas as possibilidades.

2 – Concorrentes

Conhecer ao máximo pelo menos três concorrentes diretos, observando aspectos técnicos do produto, sistemas de produção, o diferencial de cada um e o posicionamento das marcas no mercado.

3 – Informações sobre a empresa

Informações sobre a empresa como: sua história desde a fundação, missão, valores, infraestrutura e o histórico de ações desenvolvidas no passado.

4 – Detalhes técnicos do produto e/ou serviço (lançamento)

Detalhes técnicos, assim como o máximo de informações possíveis sobre produto e/ou serviço são importantes para destacar como diferenciais na comunicação.

5 – Oportunidade de mercado

Análise do mercado no segmento de atuação da empresa para identificar a oportunidade para lançamento de um novo produto e/ou serviço.

6 – Posicionamento da marca em relação à concorrência

Existem diversas marcas e produtos similares no mercado, mas qual o posicionamento da marca em relação à concorrência? O que a faz estar nessa posição? Quais seus diferenciais?

7 – Público-Alvo  (Target)

Quem é o público-alvo? Essa é a umas das principais questões para a criação de peças impactantes que “conversem“ de forma eficiente com o público a ser atingido.

8 – Abrangência geográfica

A ação será regional? Ou em todo o território nacional? Ou ainda, será uma campanha internacional? São informações importantes para adequação cultural do projeto que será visível nas peças desenvolvidas.

9 – Visual

Definir o visual da campanha de acordo com a mensagem que a empresa quer passar. Algumas empresas tem restrição no uso de algumas cores, por exemplo, para essas informações o ideal é ter acesso ao Manual de Identidade Visual da empresa, esse material ajuda muito na elaboração dos layouts no processo criativo, é possível saber o que pode e o que não pode ser feito.

10 – Expectativa em relação ao público-alvo

O que o cliente espera ter como resultado com a implementação do projeto. Prever como será a receptividade do público-alvo.

11 – Considerações gerais das ações no meio digital e impresso

Nas considerações gerais informar o que foi definido com o cliente em relação às ações no meio digital e impresso, quais peças serão divulgadas em cada meio e como as ações serão conduzidas.

12 – Cronograma

Elaboração de um cronograma com todas as etapas para desenvolvimento do projeto desde o primeiro contato com o cliente até a entrega do projeto final.

Fonte: http://midiaria.wordpress.com

Google cria serviço para pesquisas online

Fonte: http://www.proxxima.com.br

Google Consumer Surveys disponibiliza pesquisas e resultados precisos, mas com custos por número de respostas

O Google Consumer Surveys nasce com objetivo de entregar pesquisas e resultados precisos sobre qualquer coisa que você ou sua empresa queira descobrir. Uma análise com base operacional no modelo Crowndsourcing tem um custo variável de acordo com o número de respostas. O canal virtual disponibiliza rapidamente (no site fala em minutos) relatórios e gráficos por meio de respostas gerias (população dos Estados Unidos) ou segmentação demográfica.